domingo, 3 de julho de 2011

Turca


Sabe Turca
A gente precisa se perdoar
Falei tanta barbaridade
Porque estava com raiva
E na raiva a gente só faz besteira.

Também você me deixou
Quando eu mais precisava
E para falar a verdade
Nosso caminho nunca deu
Em boa estrada.
Tua mãe sabia das coisas
Poeta, militante e ativista
Do movimento sindical...

Eu indo para a pensão
E você para Damasco
Você pensando na vida
E eu no espaço

Você com quinze anos
E eu Guevara
Você morena vestida de azul
E eu mestre do mais puro vermelho

Falei e se falei foi pra lhe machucar!
E agora devo lhe confessar
Sabe aqueles versos que lhe fiz
Com símbolos alquímicos
Pra gente ser feliz
Até hoje me tornam um nada.

Sabe Turca,
A verdade é que você me faz falta!

2 comentários:

ana coeli disse...

Perdão é amor, um amor superior...
Luz
ana

José Fernando Nandé disse...

Lembrei agora de Vinicius com Toquinho:
"A mulher foi feita para o amor e o perdão/ Cai nessa não/ sai dessa irmão/...